Grupos

Benefícios da Chia para a Saúde A chia é originaria do México, a importância do consumo desta semente tem sido reforçada por especialistas em nutrição, pois nela são encontrados ácidos graxos poli-insaturados essenciais, fibras, proteínas e outros nutrientes. A chia ganhou muita fama graças aos seus efeitos sobre a dieta, pois essa semente é capaz de favorecer o emagrecimento, consumir essa semente significa obter uma serie de benefícios, que incluem desde regular as taxas de colesterol e até fortalecer o sistema imunológico. A semente da chia são pequenas, com uma textura brilhante e suave, essas sementes podem ser utilizadas em diversas receitas como nos ensopados, mingau, pudim, assados ou simplesmente polvilhados sobre saladas ou iogurtes, ou ate mesmo podem ser utilizadas para engrossas molhos. A chia ajuda a emagrecer, mas também foram feitas diversas pesquisas que comprovam que consumir as sementes podem proporcionar múltiplas vantagens para o organismo e até prevenir problemas de saúde. A seguir listamos os principais benefícios de inclui-la na alimentação. Ajuda a emagrecer Claro que nenhum alimento sozinho faz a pessoa emagrecer, mas a chia é uma ótima aliada na perda de peso, quando associada com dietas saudáveis e exercícios, esse acontecimento ocorre porque a semente é rica em fibras, proteínas e ômega 3. Essas substancias ajudam a manter a saciedade e, consequentemente, na diminuição de consumo de alimentos. Previne o envelhecimento A chia por ser rica em antioxidantes, ajuda a regular e impede a formação de radicais livres que são responsáveis por destruir as membranas celulares, sendo assim, a semente ajuda em uma dieta que retarda o processo de envelhecimento. Previne doenças cardíacas Essa semente é bastante eficaz no combate de doenças cardíacas como infartos e acidentes vasculares cerebrais, por conter uma grande quantidade de ômega 3, ômega 6, antioxidantes, fibras e proteínas elas ajudam a proteger o organismo de doenças cardiovasculares. Controla e previne o diabetes A chia por possuir fibras aumenta o tempo de liberação da glicose no organismo, o que contribui para prevenir o diabetes tipo 2, esse alimento quando colocado em contato com a agua, forma um gel viscoso que quando ingerido produz uma barreira física que separa as enzimas digestivas dos carboidratos, promovendo uma lenta conversão de carboidratos em açúcar. Fortalece a imunidade A chia possui nutrientes como fósforo, manganês e potássio, que auxiliam a função imunológica, pois inibe a produção de células inflamatórias, atuando na prevenção de doenças e na preservação de membranas celulares e neurotransmissoras. A chia na dieta reforça as defesas do organismo e afasta o risco de doenças como gripe, resfriados e infecções. Protege os ossos A chia também é fonte de cálcio, e esse é um mineral essencial para manter a saúde dos ossos, dessa forma, a semente se torna uma grande aliada pare manter os ossos rígidos e prevenir a osteoporose, condições que deixa os ossos mais frágeis e suscetíveis a fraturas. Ajuda a prevenir o câncer Os antioxidantes que reduzem o envelhecimento celular também ajudam a prevenir a formação de tumores, o que torna a chia bem-vinda na dieta de quem quer evitar o problema. Por ser rica em fibras o que induz o peristaltismo intestinal e ajuda a prevenir o câncer de colón. Protege o cérebro A chia auxilia as funções cerebrais por conter magnésio, nutrientes essenciais para o bom funcionamento do cérebro e ligações cognitivas, além disso a semente contem ácidos linoleico e alfa-linolênico que estão relacionadas a formação das membranas celulares, as funções cerebrais e a transmissão de impulsos nervosos. Riscos da semente Por ser bastante calórica, o recomendado é uma porção por dia, em cerca de duas colheres de sopa de chia, divididas em diferentes refeições. Vale ressaltar que a chia possui propriedades que reduzem a pressão arterial, por isso o consumo deve ser moderado para pessoas de pressão baixa.