Grupos

Big five

16:13 @ 20/05/2010

Big five, orgulho africano!

 

Originalmente usado apenas pelos caçadores, o termo "Big Five o 'refere-se a cinco dos maiores da África animais selvagens - leão, leopardo, elefante, búfalo e rinoceronte. As during the bygone hunting era the term "Big Five" still conjure up the romance and excitement of Africa's exotic destinations and experiences. Como durante a época de caça passada, o termo "Big Five" ainda evocar o romance ea excitação de destinos exóticos para a África e experiências.

Imagine watching the sun set over the horizon whilst you capture the moment of a pride of lions stalking their prey. Imagine assistir o pôr do sol ao longo do horizonte, enquanto você captura o momento de um bando de leões perseguindo sua presa. Watching a buffalo stolling to a water hole with strength and size that makes it more likely to kill a human than any other mammal. Assistindo a um búfalo stolling a um furo de água com força e tamanho que torna mais provável a matar um ser humano do que qualquer outro mamífero.

The rhino, which is almost extinct, with its extraordinary horns and bad temper. O rinoceronte, que está quase extinto, com seus chifres extraordinário e mau humor. And the leopard with its beauty and remarkable speed and skill to hunt. E o leopardo com sua beleza e notável velocidade e habilidade para caçar.

Many travellers regard a visit to South Africa as incomplete without having spotted, and perhaps photographed, the Big Five. Muitos viajantes consideram uma visita à África do Sul como incompleta sem ter manchado, e, talvez, fotografado, a Big Five.

The Big Five - legends of the wilderness which have become synonymous with Africa. A Big Five - lendas do deserto, que se tornaram sinônimo de África.

o sobre Big Five!

Mais um pouc

Big Five: o orgulho sul-africano

“Nós temos um país colorido, rico e os Big Five!”, diz orgulhosa a vice-ministra de Turismo do país da Copa Thokozile Xasa ao Por dentro da África do Sul durante uma de nossas conversas. Diante de tanta paixão, dá a sensação de que os Big Five sejam uma espécie de relíquia... E realmente, são! Mas a particularidade deles não está apenas no tamanho. Eles também são os mais difíceis de serem caçados! Recorremos a um especialista que pudesse nos auxiliar nessa descoberta sobre os "gigantes". “São chamados assim por serem os maiores representantes dos mamíferos selvagens que habitam as regiões de savana (por isso os hipopótamos estão excluídos), além da dificuldade em caçá-los”, conta o biólogo Anderson Mendes Augusto.

null

Esses animais viviam espalhados por todo o continente até os predadores (nós, homens) reduzirem as suas manadas. A arma de fogo trava uma luta covarde até mesmo para os mais selvagens. Hoje, grande parte da população desses "gigantes" vive em parques nacionais e sob proteção, o que não extingue, mas (FELIZMENTE) delimita a atuação de caçadores. Anderson nos conta que os cinco (com exceção do rinoceronte) podem ser encontrados em grande parte da África, menos no Deserto do Saara.

Agora... E aqui no Brasil, onde poderíamos apreciar os Big Five? “Esses animais só podem ser encontrados em zoológicos ou criadouros registrados no Ibama”, explica o especialista do RioZôo (Zoológico do Rio de Janeiro) que, a pedido do “Por dentro da África do Sul”, fez uma listinha com os animais que seriam os Big Five brasileiros! “Colocaria anta, onça-pintada, onça-parda, cervo-do-pantanal e capivara. Mas o critério utilizado seria por peso, pois a fauna brasileira de mamíferos é composta por animais de pequeno e médio porte em sua maioria”.

Ok, os nossos BIG não são tão grandes quanto os deles. Talvez devêssemos seguir o exemplo africano e se interar, se orgulhar mais das nossas espécies... A África do Sul se refere aos Big Five (búfalo, rinoceronte, elefante, leopardo e, claro, leão) como uma experiência imperdível para quem pisa no solo da nação considerada mãe da África. Nesta simbologia, está implícita a incrível mostra de um dos territórios com maior biodiversidade do mundo. Nas savanas, os cinco são os personagens principais do cenário onde, indubitavelmente, o espírito africano se faz presente. Para eles, é um troféu mais valioso do que uma taça de ouro e ainda ilustram as notas de rand, moeda do país!

null
Eles estão representados nas notas de 10, 20, 50, 100 e 200 rands

E é absolutamente compreensível e invejável... Além de ter a garantia de encontrar os animais de norte a sul da África do Sul, o melhor é saber que é possível apreciar os cinco (em um mesmo local), como no Kruger Park (o safári mais famoso do mundo que conheceremos em breve). Sobre o ciclo de vida desses animais, Anderson nos conta que o elefante é o com maior expectativa de vida (80 anos), seguido do rinoceronte (45 anos), leão (30 anos), búfalo (26 anos) e leopardo (20 anos). Com relação à interação entre as feras, ele nos explica que elefantes e rinocerontes não são muito tolerantes com outras espécies. “Os búfalos até se permitem uma proximidade maior com outros herbívoros, diferente dos leões, que se mantêm em grupo, e do leopardo, que vive solitário”. Na relação com os homens, o biólogo afirma que esse contato vem se tornando cada vez mais antagônico. “Como todo animal de grande porte e selvagem, eles oferecem muitos riscos. Podem atacar quando ameaçados", alerta.



Comentários