Grupos

O prefeito de Pedralva (MG), Antônio Eloísio Gomes, o vice, Sebastião Bonete, e o vereador Gerson Luiz Correa - todos filiados ao PR -, foram cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por pertencerem a dois partidos.

Segundo O Estado de S.Paulo, Eloísio Gomes não havia regularizado a saída do DEM. Segundo a legislação, a dupla filiação impede o candidato de disputar eleições.

Redação Terra

Comentários


Contador Gratis