Grupos

 
Em um movimento sem precedentes, o jornal britânico The Guardian anunciou um conjunto de serviços que praticamente abre aos internautas todo seu conteúdo impresso e online a partir de 1999.
 
O objetivo do jornal, ao tornar disponível sua API (Application Programming Interface), é a proliferação de seu conteúdo pela internet para que, de acordo com o site, "todos possam se beneficiar do nosso jornalismo, a nossa marca, e as tecnologias que movem o http://www.guardian.co.uk/ .
 
O jornal Guardian se propôs a oferecer dois produtos distintos: o primeiro é o acesso ao seu conteúdo API, onde os usuários podem pesquisar no vasto arquivo de conteúdo do site.
 
O segundo é um armazenamento de dados. Esta é "uma coleção importante e de alta qualidade de dados produzida pelos jornalistas do Guardian. Você pode encontrar informações úteis aqui, fazer o download, e integrá-las com outras aplicações da Internet."
Segundo Emily Bell, diretora de conteúdo digital do Guardian News & Media, a plataforma aberta foi um "novo capítulo em nossa história e um novo alicerce para o futuro do nosso jornalismo."
 
 

Comentários