Grupos

A PLEBE 59 - EDitorial

11:25 @ 07/07/2009

A PLEBE 59/Junho 2009 A.C.A.T.

@  Órgão de Divulgação da Federação Operária de São Paulo/COB  (FOSP – Fundada em 1905)  @

@ SEM PARTIDO NEM PATRÃO!   @  Ligada a Associação Internacional dos Trabalhadores (A.I.T.-I.W.A.) @

*Caixa Postal: 1933/CEP: 01009-972/São Paulo-SP*(fospcobait@yahoo.co.uk @ 90 ANOS DA GREVE  GERAL DE 1919

 

                 A MENTIRA CONTINUA! ACHAM QUE VOCÊ É UM IDIOTA!

 

Enquanto o noticiário televisivo, porta-vozes sinceras do governo capitalista – ao estilo ‘rede bobo’, insiste e repete que a crise acabou e que o emprego está em crescimento. Pura lorota, à vista de todos, que preferem não ver o abismo e dão apoio incondicional ao governo Lulista, quebrando as pesquisas de opinião que lhe dão mais de 80 % de apoio!

 

A verdade é bem outra! Em um ano mais de 5 milhões de trabalhadores perdeu o emprego em todo o mundo, a OIT fala de mais 240 milhões em 2009! Que isso se concentre mais na Europa e nos U$A, muito sobrará pra todo o mundo: redução do comércio industrial mundial, com o aumento da exclusão social em todos os países importadores de matérias-primas – como o Brasil, que corre o risco de ver seu parque industrial, já em franca decadência, desmoronar, assim voltamos a uma vida de colônia. Outras conseqüências apontam para o fortalecimento do fascismo, num quadro semelhante aos anos que antecederam a 2ª guerra mundial. Tudo na defesa dos interesses da minoria capitalista, que envergonhada e clandestinamente apóiam a ascensão do fascismo como forma de enfrentar a revolta resultante do aumento da miséria mundial.

 

No Brasil o quadro se repete: os escândalos no meio político se generalizam e temos novidades diárias, com denuncias de corrupção praticadas pelos apoiadores do governo Lula/PT – que sai em sua defesa, assim como na defesa dos capitalistas. Para enganar o povo Lula, em plena campanha eleitoral, lança a farsa do PAC da moradia falando em 1 milhões de casas em 4 anos – até agora nenhuma! Na verdade ele está levando milhares de inadimplentes dos vários sistemas de habitação anteriores que se encontram em inadimplência crônica – após pagar décadas de parcelas regularmente. Já tivemos violentos enfrentamentos entre esses novos sem-teto e a PM, que vem impor a vontade da ‘justiça’, no Pará e em Belo Horizonte/MG. A midia falda e escrita escamoteiam essas notícias, dando destaques as notícias do meio político – cortina de fumaça ao qual chamam de ‘ representantes do povo’.

 

Greve Geral dos Fucionários Públicos de Campinas.

 

Da mesma forma a classe trabalhadora busca reagir, apesar de sua desorganização prática, e dezenas de categorias realizam greves nos meses de maio e junho, sem que se conseguisse unificá-las ou estendê-las. Greves localizadas, como a dos metroviários de Belo Horizonte. A greve geral de Campinas contou com o apoio ativo da FOSP/COB-AIT, mas os partidos a trataram como meio de auto-promoção – levando a derrota do movimento. Outro exemplo é a greve geral da USP, resultado da criminalização da greve vitoriosa de 2007, que se estende por mais de um mês – após várias tentativas de negociação. Mesmo permanecendo isolada, apesar de contar formalmente com o apoio das CUTs e CONLUTAS da vida, sem que nenhuma central oficial lance a palavra de ordem de greve geral de solidariedade, segume sua luta isoladamente colocando a radicalidade de questionar a estrutura gestora da USP, apontanto para a realização de um Congresso Geral da USP para modificar todas as suas estruturas de poder – colocando até a discussão da auto-gestão. Que seja preparado desde as unidades, em Plenárias unificadas de trabalhadores docentes e não docentes e estudantes, criando condições para um Congresso que seja paritário e não só de docentes, que monopolizem o poder! Apoiamos isso e chamamos o movimento de solidariedade junto ao conjunto da classe trabalhadora.

 

TODO APOIO À GREVE GERAL DA USP!

PELA GREVE GERAL DE SOLIDARIEDADE!

NÃO CAIA NA CONVERSA DE MENTIROSOS E REFORMISTAS!                       

ENCONTRO ANARKISTA É REVOLUÇÃO E TEM NOME:

7ª JORNADA LIBERTÁRIA DE PROTESTO DE SÃO PAULO

 10, 11 e 12 DE JULHO DE 2009

(Homenageando José Martinez e os Mártires da Greve Geral de 1917)                                          

Local: sede do  CORRENTE LIBERTADORA – Santo Amaro, R. Cerqueira Cesar 185 (próximo ao Lg. 13 de Maio)

 

 Programação:                                                   

                                           à Sexta-Feira (10/07) Abertura das JLP/SP-2009: Sarau CORRENTE LIBERTADORA a partir das 19:00 hs

----- Sábado 11/07/2009 (a partir das 9:00 hs – Abertura) -----                                                                                                                   

A QUESTÃO DO NEGRO TRABALHADOR – Coletivo Humanitude                                                                                                                     

A QUESTÃO DA MULHER TRABALHADORA – Coletivo Neuróticas                                                                                                                           

A QUESTÃO DA PEDAGOGIA LIBERTARIA – Coletivo Educar Para a Paz                                                                          

CONTRA-CULTURA E ANTIFASCISMO – Movimento Anarco-Punk (MAP)                                                                                                                         

REATIVAÇÃO DO SINDICALISMO REVOLUCIONÁRIO E DA COB/AIT - SINDIVÁRIOS-SP-FOSP/COB-ACAT/AIT       

(pausa para o almoço 13:00 hs) Retomada das atividades na Casa Amarela a partir das 13:30 hs

 

Filme: OS LIBERTÁRIOS (sobre a Greve Geral de 1917) seguido de Debate Público                   

15 hs – Assembléia Geral do Movimento Libertário Brasileiro (MLB)                                                                                                    

17 hs – Confraternização na sede do CORRENTE LIBERTADORA Festa Julhina a São Bakunin)

GIG DE PROTESTO E LUTA AO VIVO

(até as 22 hs)                                                    

Roda de Capoeira da CORRENTE LIBERTADORA - SERVIDORES DO RAP –

Anjos JPM – FAMÍLIA ITAOCA – MELODY MONSTER – RESISTÊNCIA –

 ATOS DE VINGANÇA -REVOLTA POPULAR                                                                                                                            

--------- Domingo 12/07/2009   (na sede do CORRENTE LIBERTADORA a partir das 10 hs) ---------      OFICINAS até as 18 hs (Capoeira, Prosa e Poesia, Serigrafia – traga sua camiseta branca)

Iniciativa e Apoio:        

                                                                                                                                                                                          O COLETIVO LIBERTÁRIO – Coletivo HUMANITUDE – Coletivo Neuróticas – FENIKSO NIGRA - Coletivo EXPRESSÃO LIBERTÁRIA - Pacto Antifascista Zona Sul - Coletivo EDUCAR PARA A PAZ – CORRENTE LIBERTADORA – GAIA – MAP - ASSESA – Associação dos Artesãos de Santo Amaro – Comitê de Solidariedade ao Povo Palestino-Mogi das Cruzes – Comitê de Solidariedade ao Haiti – Comitê Apartidário de Luta Contra a Carestia/Santo Amaro – Punks/Zona Sul – Torcida ANARCORINTHIAN@ - Movimento Libertário Brasileiro (MLB) – Movimento Pela Reativação da COB/AIT -SINDIVÁRIOS-Alto Tietê; SINDIVÁRIOS Campinas; SINDIVÁRIOS Osasco; Sindicato de Artes e Espetáculos; SINDIVÁRIOS-SP-FOSP/COB-ACAT/AIT

AVALIAÇÃO DAS JORNADAS LIBERTÁRIAS 2009

(JLP/SP-2009)

 

Vitoriosamente realizadas, nos dias 10 e 11 de Julho de 2009, as Jornadas Libertárias de Protesto de São Paulo avançaram a unificação do Movimento Libertário. Tradicional palco de discussões do MLB (Movimento Libertário Brasileiro), que vem sendo realizadas desde a década de 80 como uma atividade de propagando do anarquismo vivo, troca de experiências e de superação de divergências pontuais entre os diversos coletivos e individualidades do universo acrata. Um aspecto que dificultou a propaganda das jLP/SP-2009 foi a intensa destruição de nossos, colados em todas as regiões da cidade. Falamos da sabotagem levada a cabo pelos inimigos do MLB, que tudo fizeram para que as JLP não ocorressem. Falamos dos fascistas (skinheads, hooligans e WP) e outros autoritários e infiltrados no movimento anarquista – que defendem aliança com os partidos marxistas.

 

Prejudicadas pelas chuvas intensas que caíram nos dias do evento, levando a suspensão da ‘Festa Julhina a São Bakunin’, e as Oficinas – que ocorreriam a céu aberto – ainda assim as JLP/SP-2009 contou com um público de mais de 70 pessoas nos dois dias de evento. Todas as palestras programadas foram dadas pelos diferentes Coletivos e a discussão sobre o MLB se deu com a presença dos principais setores do movimento vivo do anarquismo de nossos dias, o Movimento Pela Reativação da COB/AIT e o Movimento Anarco-Punk. Acadêmicos, diletantes e marxistas não fizeram falta às JLP/SP-2009.  Foi nesse contexto que se fez a discussão sobre o MLB. Ao final, na confraternização informal que fizemos, se cristalizáramos diferentes pontos de convergência entre os diferentes movimentos e coletivos.

 

Abertura das JLP/SP-2009 homenageia Edgar Rodrigues.

 

Realizadas na data da morte de José Martinez (09/07/1917), as JLP/SP sempre homenageiam a Greve Geral de 1917. Mas a desse ano lembrava a grande Greve Geral Brasileira de 1919, além de fazer uma homenagem, a Edgar Rodrigues – falecido no dia 14 de Maio desse ano. A homenagem a Edgar Rodrigues foi feita no Sarau de Abertura, quando se falou quem era Edgar , de sua importância e foi lido um poema de Martins Fontes em Homenagem a Kropotikin, retirada de um dos livros publicados por Edgar. A Greve Geral de 1919 foi lembrada após a exibição do filme ‘OS LIBERTÁRIOS’, sobre a Greve de 1917. Após se travou uma discussão centrada em como preparar uma nova Greve Geral no Brasil hoje. Paralelamente se discutiu o papel jogado pelos sindicatos oficiais, pelo MST, a Igreja e os partidos dentro do processo da luta de classes. Discutiu-se aspectos de campanhas e lutas comuns a todos os coletivos. E se lançou a proposta de reativar o comitê de Relações Anarquistas (CRA) para aumentar a base de discussão e troca de informações entre os diferentes coletivos, combatendo a disseminação de fofocas dentro do MLB – espalhadas por aqueles que querem destruir o movimento. O CRA seria a base pela qual se preparariam as próximas JLPs e um futuro Congresso Anarquista Brasileiro, para a fundação de uma efetiva FEDERAÇÃO ANARQUISTA BRASILEIRA, ao contrário das falsas federações locais – criadas pelos especifo-plataformistas, de forma a dividir o MLB com estruturas paralelas de organização. Isso sem contar que suas falsas federações especifo-plataformista (FARJ, FAO, FAG, etc.) são organizadas como verdadeiros partidos políticos (para aderir você tem que se submeter ao progrma fechado antes da fundação, e se submeter a uma organização que existe em 2 níveis: um que toma as decisões e se diz anarquista e outro, que chama de social, que só segue ordens e não se declara anarquista!

 

As palestras foram filmadas e comporão parte de um documentário a ser realizado pela Seção de Artes e Espetáculos. Também foi uma oportunidade para ampliar os laços com o Coletivo ‘ Corrente Libertadora’, que nos cedeu sua sede para a realização das JLP. Sendo um grupo que já tem longa vida – mais de 25 anos – que trabalha com crianças e adolescentes marginalizados, no caminho do crime ou das drogas, tem por base uma experiência própria de Pedagogia Libertária, trabalhando com capoeira.

 

Por fim na Festa – que teve que ser cancelada por causa da chuva – haveria uma GIG de Protesto, em que tocariam sete bandas (hard rock, hiphop, punk e hard core) que seria gravada, para o lançamento de um disco comemorativo dos 90 anos da Greve Geral de 1919. Se pretende agora remarcar, para o mesmo local, a festa e a GIG – na sequência de uma palestra e debate sobre Pedagogia Libertária, num prazo o mais breve possível.

 

A luta continua!

 

LONGA VIDA AO MOVIMENTO LIBERTÁRIO BRASILEIRO!

VIVA AS JORNADAS LIBERTÁRIAS DE PROTESTO!

 

Coordenação do SINDIVÁRIOS-SP-FOSP/COB-ACAT/AIT