Grupos

 

 

Comentários

(14:00 @ 01/09/2014) Anônimo disse:
Centros Culturais Anarquistas Fechados pelo Estado ou pela repressão da politica reformista Paraense(Marcos S. de Moraes) No Estado do Pará,a influência da politica feita pra indios(que adoram seus caciques e suas autoridades politicas partidárias e reformistas há mais de um século de escravidão cultural e coronelista),é tão antiga quanto seu autoritarismo e pior,HERDADA DE UMA BURGUẼSIA TACANHA DA GERAÇÃO FORDISTA-"QUE IRÔNICAMENTE SE FORDEU..."(CORONÉIS DA BORRACHA E VELHOS GAGÁS E RETARDADOS DEFENSORES DA MEMÓRIA ESCRAVOCRATA DA IDEOLOGIA DA BELLE EPOQUE,ONDE A AMAZÔNIA FOI CRUELMENTE ESTRUPADA PELO CAPITALISMO NORTE-AMERICANO...ONDE ROUBARAM,COMO SE DIRIA EM FRÂNCÊS "Á LA VONTRE" O OURO BRANCO DOS SERINGAIS).A cultura de resistência LIBERTÁRIA PARAENSE QUE SURGIU PÓS-CABANAGEM,COM O PRIMEIRO JORNAL "ANARQUISTA" "A VOZ DO POVO"DATADO EM 1860,NÃO TEVE VIDA LONGA,POIS FOI EMPASTELADO PELA POLICIA PARAENSE,E SEUS ESCRITORES E COLABORADORES IMIGRANTES EUROPEUS PRESOS E DESAPARECIDOS NAS SELVAS AMAZÔNICAS DO INTERIOR DO PARÁ PELA REPRESSÃO POLITICA-POLICIAL.Assim o fizeram em 1873 com o nascimento do CLUB POPULAR-1 VERTENTE RADICAL DO SOCIALISMO-LIBERTÁRIO PARAENSE QUE REPRESENTAVA AS IDEIAS ANARQUICAS DE BAKUNIN NO RACHA ENTRE PAUS-MANDADOS,AUTORITARIOS,REFORMISTAS E REACIONÁRIOS :MARXISTAS E SOCIAIS -DEMOCRATAS EM 1872 EM PLENA COMUNA DE PARIS.O CLUB POPULAR PROMOVIA PASSEATAS ENTRE OPERÁRIOS E PREGAVAM IDEIAS ABOLICIONISTAS,QUE TAMBEM TIVERAM SEUS LIDERES PRESOS E INCOMUNICAVEIS,E O 1 DE MAIO FICOU PROIBIDO DE SER REALIZADO NA CIDADE DE BELÉM.Com o Partido Operário do Pará em 1893 ACONTECEU O MESMO,E TODAS AS ASSOCIAÇÕES MUTUALISTAS E OPERÁRIAS FICARAM SOB MIRA DA LEI E VIGIADAS PELA POLICIA PARAENSE,MESMO ASSIM "NÃO ADIANTOU TANTA REPRESSÃO".Com o BOOM da borracha entrando em declinio,com A ASCENÇÃO E QUEDA DO CAPITALISMO E DA CULTURA ELITISTA PARAENSE DA BORRACHA,Eis que surge o ANARCO-SINDICALISMO,no começo do século xx,como solução de organização da CLASSE TRABALHADORA. A primeira organização ANARCO-SINDICALISTA ṔARAENSE A U.G.T (Durou de sua fundação de 1913 até 1922/23,por causa da repressão da greve dos bondes em 1920, e lógico,por causa da perseguição POLITICA-POLICIAL DO GOVERNADOR LAURO SODRÉ).A Federação Operária do Pará,nascia timidamente em 1918,dando seus primeiros passos,mas fundasse como uma organização séria com Marquês da Costa em 1920.Um dos primeiros CENTROS DE CULTURA LIBERTÁRIA NASCERIA ALI,EM MEIO À TANTA REPRESSÃO E PERSEGUIÇÃO POLITICA-POLICIAL.Aos exatos 26 de março de 1927 nascia "O CENTRO DE ESTUDOS SOCIAIS" fundado pelos ANARCO-SINDICALISTAS PARAENSES: RAIMUNDO PINHEIRO CORDEIRO, ANTÔNIO PEREIRA DA SILVA,PEDRO LYRA,BENEDITO VIANA,RAIMUNDO GOMES DA SILVA,ARTHUR PEREIRA DE SOUZA E MAURO SERRA...Essa revolução CULTURAL E LIBERTÁRIA QUE TINHA A SEDE NA RUA PADRE PRUDÊNCIO,NÚMERO 87,(hoje infelizmente,bairro do comércio,por causa da especulação imobiliaria,tal patrimônio histórico não existe mais,tendo apenas um ponto comercial em seu lugar...)correspondeu-se no âmbito nacional com o jornal A PLEBE mandando suas "bases de acordo" que compunha 16 pontos.Foi fechada não se sabe-se cargas d´água(com certeza pela repressão politica-policial do Estado).O mesmo aconteceu com a NA MORADA DA ARTE,fundada no COMEÇO DOS ANOS 90,localizada na arcipreste manoel teodoro,centro(do qual eu cheguei á frequentar)que durou 14 anos de resistênica,e fecharia suas portas(e muros) em 2004.Motivo?REPRESSÃO!O mesmo aconteceu quando sozinho ocupei um patrimônio histórico fundos da O.A.B.(antiga manesky recepções,localizada na rua campos sales número-935).Resisti ali durante quase 3 anos,mas a força politica-policial do Estado com sua repressão,a especulação imobiliaria,venceram.Tal patrimônio histórico que havia sido tombado,e do qual eu tinha documentos até pra legalidade de um centro cultural,não serviram pra nada,pois O.A.B.,(de olho no terreno pra transformar em estacionamento),A PREFEITURA(na gestão politica pilantra de Duciomar C(B)osta) e O Governo do Estado(na gestão do ANALFABETO CULTURAL DO PT EDILSON MOURA),NÃO DERAM A MINÍMA PRA QUESTÃO SOCIAL DAS POLITICAS-CULTURAIS...COLOCANDO O PATRIMÔNIO HISTÓRICO TOMBADO NO CHÃO E TRANSFORMANDO TAL PATRIMÔNIO EM RUINAS,DESOBISTUINDO TUDO,E TRANSFORMANDO LOGO EM SEGUIDO,NUM TOSCO ESTACIONAMENTO DA O.A.B.Logo em seguida as perseguições politicas á minha pessoa só se INTENSIFICARIA,PELO FATO D'EU DENUNCIAR-PREFEITURA(PARTIDO DE DIREITA NA ÉPOCA),O.A.B. E ESTADO(PARTIDO DE ESQUERDA NA ÉPOCA),NA QUAL ATÉ HOJE,CAGAM E ANDAM PRA SITUAÇÃO DE PATRIMÕNIOS HISTÓRICOS E ESPAÇOS CULTURAIS.NO MAIS RECENTEMENTE ANO PASSADO EM 2013,QUANDO EU E ALGUNS CAMARADAS NOS ORGANIZAMOS E FUNDAMOS O ESPAÇO CULTURAL MIKHAIL BAKUNIN(LOCALIZADO NO CONJUNTO PANORAMA XXI,Q-6 CASA-6 FUNDOS,ONDE FUNCIONAVA A ASSOCIAÇÃO COOPERATIVISTA DE APOIO MUTUO MIKHAIL BAKUNIN,E SINDVÁRIOS BELÉM)TAMBEM FOI FECHADA PELA REPRESSÃO,POLITICO-POLICIAL DO ESTADO E SEUS PARTIDOS POLITICOS REACIONARIOS CONTANDO COM O APOIO DA IGREJA CATÓLICA... "FICOU CLARO QUE A REPRESSÃO POLITICO-POLICIAL DO ESTADO REPRIME TODO TIPO DE CULTURA LIBERTÁRIA,POIS QUANTO MAIS IGNORANTE O POVO PARAENSE CONTINUAR,É MAIS FÁCIL PRA SE PAJELAR"... "MAIS DE 100 ANOS E O QUÊ MUDOU?????"